Educação Infantil

 
 
 
300x300
Pedagogia Waldorf
300x300
Ensino Fundamental
300x300
Ensino Médio

A INFÂNCIA é a fase mais sagrada de nossas vidas.
É durante a infância que somos puros, encantadores e encantados. Temos uma grande capacidade para aprender, ter fantasias, imaginar. Temos uma força de vontade enorme, somos otimistas, alegres, abertos para o mundo e muito curiosos.

 

Manhã - das 7h 15 às 11h 15.
Tarde - das 13h às 17h.

A tarefa dos educadores, sejam pais ou professores, é proteger a infância, dando às crianças pleno poder sobre este período que elas devem vivenciar intensamente.

Não podemos passar integralmente pela Vida sem que a infância tenha sido vivida plenamente.

A Pedagogia Waldorf vem muito enfaticamente valorizar a infância, considerando de extrema importância os primeiros sete anos de vida do ser humano para a saúde do corpo físico, da alma e do espírito.

Nessa fase é desenvolvida a organização do Corpo Físico, através do qual o ser humano se realizará e cumprirá sua missão na Terra.

“ A saúde do indivíduo para toda sua vida depende, em grande parte, das predisposições implantadas nessa fase em que todas as forças vitais estão empenhadas na formação do organismo corpóreo.” (R.Steiner.)

Seguindo as indicações de Rudolf Steiner, as escolas Waldorf de educação infantil procuram propiciar às crianças um ambiente físico e anímico-espiritual saudável para a formação desse ser “criança”, oferecendo oportunidades para que experimente e vivencie amplamente as possibilidades que seu processo de amadurecimento lhe proporciona.

Crianaças em sala de aula
Crianaças em sala de aula

Do Maternal ao Jardim, o BRINCAR se torna o principal meio de expressão, desenvolvimento e conhecimento do mundo e de si mesmo. É o espaço do brincar livre que as escolas Waldorf disponibilizam às crianças, emoldurado com ritmo e repetição que lhes proporcionarão conforto, segurança e confiança na Vida.

“O brincar da criança é a manifestação mais profunda do impulso que a conduz ao fazer, sendo que neste fazer o homem tem sua verdadeira essência humana. Não seria possível imaginar uma criança que não desejasse ser ativa, como o é quando brinca, pois o brincar representa a liberação de uma atividade que deseja se libertar do cerne do ser humano”. (R.Steiner)

No Maternal as crianças encontram um ambiente caloroso e aconchegante, com um ritmo que se altera amplamente entre expansão e contração. Sendo respeitadas na sua condição de “pequenas crianças”, nós, professores, vamos ao encontro de suas necessidades.

Nas salas do “Jardim de Infância”, o mesmo ambiente se reproduz com ritmos. Porém, agora, as crianças com maior capacidade de concentração e um ativo interesse num fazer dirigido se entregam com entusiasmo às atividades propostas, sem perderem o espaço do “brincar livre”. Assim, elas são presenteadas com atividades de culinária, modelagem, desenho, pintura em aquarela, trabalho manual, teatro, roda dirigida, tanque de areia, água, caminhada e contos de fadas, que enriquecem seu dia a dia, alimentando sua fantasia para o brincar e fortalecendo-as para a Vida.

A luz do sol, passada a noite,
Vai clareando o dia.
A alma acorda com força nova
Do sono que dormia.
Você, minha alma, dê graças pela luz,
Pois dentro dela o poder de deus reluz.
Você, minha alma, neste dia a ressurgir,
Seja capaz de agir.